web trends 2010

Boa seleção de Marcelo Albagli, copiei aqui a lista de seus Top 10 Web Trends para 2010, no Blue Bus:

1. Governo 2.0 – depois do ‘Open Government’ de Barack Obama, nao vejo como um projeto de transparência política apoiado em APIs gratuitas e bancos de dados públicos fique fora da discussao em outras partes do mundo. Canadá e Inglaterra, por exemplo, já estao começando a levar o papo a sério. No Brasil, o Portal da Transparência é um passo discreto. Para ser transparente de verdade, tem que ser 2.0.

2. Conteúdo patrocinado – pop up já era (“Jura?!”) e, ao que tudo indica, será necessário mais ousadia para anunciar interferindo o mínimo na experiência do usuário. Novos modelos de associaçao entre marcas e veículos serao testados, como o que foi divulgado recentemente pelo Huffington Post. É uma negociaçao – os veículos precisam, os anunciantes precisam, mas quem vai bater o martelo serao os usuários. Padronizaçao nunca foi o forte da web e 2010 promete ser um ano de muita experimentaçao nesse sentido.

3. The Web goes mobile, the mobile goes GPS – vai ficar mais ferrenha a briga pelo mercado de telefonia móvel. O campo de batalha está nas (adoráveis) apps – software livre vs plataforma fechada. Muita coisa interessante vai rolar. Pelo visto, um dos principais combustíveis dessa briga será o GPS. Vamos ver.

4. Curadoria colaborativa – com tanta informaçao disponível, serviços como o Google Social Search, assim como as listas do Twitter – e possivelmente sites como Delicious e StumbleUpon – poderao ser estratégicos. Tempo sobrando definitivamente nao é um trend para o ano que entra, por isso precisamos de filtros. Nossa rede de contatos pode ajudar.

5. Games sociais – a maior campanha publicitária para o mercado de entretenimento foi para um game, a Eletronic Arts adquiriu a Playfish, e terminamos o ano com a Zynga, produtora dos populares Farmville e Mafia Wars, valendo algo em torno de USD 1bi. A Foursquare abrirá 2010 como uma das queridinhas dos investidores. A razao? Estamos ficando viciados nos games sociais.

6. Web em tempo real – nao é só jogo que vicia. Twitter foi a palavra do ano, convites p/ o Google Wave tornaram-se sinônimo de status e as ferramentas de busca anunciaram resultados em tempo real. Para alguns estudiosos, o prazer na recompensa instantânea às nossas interaçoes é resultado de um loop de dopamina no cérebro e essa seria a razao por trás de tudo isso. Nao sei nada sobre neurotransmissores, mas que o Facebook nao comprou o FriendFeed à toa, disso tenho certeza.

7. Realidade Aumentada – tanto lá fora quanto por aqui tem muito experimento interessante usando essa tecnologia. Do entretenimento ao jornalismo, a brincadeira vai deslanchar em 2010, vai ser móvel e vai amadurecer. Realidade virtual nao existe. Já essa, só é aumentada. Tem tudo para dar certo.

8. Cultura da Convergência – as novas mídias nao substituirao as antigas e o universo da narrativa transmídia vai encantar os anunciantes ainda mais. Faça um coquetel de Wally Ollins com Henry Jenkins e brinde o fim de ano com prazer – custos de produçao menores e o lucro em subprodutos já seduziram a indústria do entretenimento. No mercado de comunicaçao, as fronteiras entre propaganda, RP, branding e digital ficarao ainda mais indefinidas, o que dá espaço pra muita história legal acontecer. No centro da trama, está o consumidor, como nao poderia deixar de ser.

9. Cloud Computing – o modelo computacional amplamente disseminado nos mainframes dos anos 70 e 80 – e testado nos thin clients da década passada – ganha uma nova força com o cloud computing. A Microsoft lançará a versao online do Office, pois sabe que os aplicativos on demand serao hit muito em breve. A grande novidade fica para o 2o semestre – o Google Chrome OS será lançado para aqueles “que nao suportam mais fazer updates e nao querem se preocupar em fazer backup”.

10. Video online – nao quero falar de aparelhos Blue Ray com conexao wireless, nem nos filmes de locadoras virtuais disponíveis para download. E muito menos em Apple TV. Só quero te fazer uma pergunta – vc assistiu ao U2 ao vivo no YouTube? É isso. Cada vez mais a tecnologia de streaming será utilizada.

+ Blue Bus

  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: